30/01/2020 - "Ekleipsis- Algures na Eternidade" - SP


A companhia EKLEIPSIS, formada por Carolina Morais Fonseca e Mael G. Lagadec, inicia no dia 8 de fevereiro, sábado, a temporada de dança da Sala Arquimedes Ribeiro do Complexo Cultural Funarte SP. O projeto Algures na Eternidade inclui, além da apresentação, um workshop sobre as técnicas utilizadas e a abordagem dos elementos fundamentais da natureza: terra, fogo, água e vento. O quinto elemento, o espaço, ou éter, também é representado (no centro do espetáculo) como o eclipse absoluto, a ausência de luz.

No workshop, serão trabalhadas técnicas de dança e respiração consciente, gesto e Coreosofia, improvisação e sinergia (treino de Dança Duende). Além do trabalho com os cinco elementos fundamentais, haverá também uma reflexão teórica sobre a estética da imagem, vídeo e fotografia e sobre a ‘virtualidade’ do mundo contemporâneo.

A performance, combinando dança e vídeo, procura reconectar por meio da beleza poética o corpo humano à simplicidade da natureza, bem como à sabedoria e à elevação espiritual. Para isso, são utilizadas técnicas diversas: clássicas, modernas, folclóricas. Junto com elementos da Dança Duende, práticas de contemplação, exercícios de respiração e de movimento (Coreosofia).

O ambiente onírico é criado com uma cenografia em vídeo, mixado e projetado ao vivo.

O workshop acontece no mesmo dia da apresentação e tem início às 13h. Não é necessário realizar inscrição:  basta comparecer.  O espetáculo, com ingressos a R$40 (meia-entrada: R$ 20), começa às 20h30.

Os interessados em garantir a participação no workshop ou o lugar no espetáculo podem acessar o seguinte link:

https://forms.gle/ydR2F8GVhjtAoTC29

Os artistas
Carolina Fonseca pratica dança e estuda o seu universo desde os três anos de idade. Nascida em Portugal, ensina a Dança Duende como método de autoconhecimento. Como artista, seu trabalho já circulou por diversas partes do mundo: China, Índia, Estados Unidos, alguns países da Europa, Egito e México, entre outros.

Maël Lagadec é artista visual, fotógrafo, diretor de cinema e audiovisual. Seu trabalho fotográfico é exibido regularmente na França, Itália, Índia, Portugal e Brasil. Já recebeu  prêmios de honra em festivais de cinema em diversos países. Residente na Bélgica desde 2005, seu trabalho hoje em dia volta-se para uma simbologia sutil, da qual o curta metragem DEATH AND LOVE, feito em parceria com a Khrishnamurti Foundation.

SERVIÇO
Data: 8 de fevereiro
Horário: sábado, às 20h30
Local: Sala Arquimedes Ribeiro – Complexo Cultural Funarte SP
Alameda Nothmann, 1058, Campos Elíseos
Ingressos: R$ 40 (meia-entrada: R$ 20)
Duração: 50 minutos.
Classificação: livre

Workshop
Data: 8 de fevereiro,
Horário: sábado, às 13h
Ingressos: R$ 40 (meia-entrada: R$ 20)
Duração: 180 minutos.
Classificação: livre

 

Voltar