12/03/2020 - "Iara" - com Marina Guzzo - SP 


O gesto do mergulho como princípio para toda ação. A profundeza como estado feminino. Imersão e pausa. Tempo de se esperar. E recomeçar. Fazer as águas todas dançarem. E encontrar caminhos para o que não tem lugar. Ser mulher, ser polvo. Encantar e ser encantada por uma multidão de peixes, para além do plástico e do terror.

Criada a partir de uma residência artística e um projeto de convivência e dança com mulheres que vivem na região portuária de Santos-SP, o trabalho constrói espectros de figuras femininas, que aparecem e desaparecem com um tecido transparente. Ações de fazer, refazer, arrumar, carregar, correr e dançar se tornam eixo para um imaginário possível (ou impossível) de como seria uma figura mítica que vive no Antropoceno.

SERVIÇO
Data: 
 de 13 a 15 de março
Horário:  Sexta, às 16h30. Sábado e Domingo, às 17h. 
Local: Sesc 24 de maio
R. 24 de Maio, 109 (República)
Local em 13/3: Piscina
Distribuição de ingressos 1h antes.
Local em 14 e 15/3: Jardim da Piscina
Sem distribuição de ingressos. 
Telefone: 3350-6300
Horário da Bilheteria: Terça a sábado, das 9 às 21h; domingos e feriados, das 9h às 18h
Ingresso: Gratuito
Duração: 35 min

Ficha Técnica
Pesquisa, direção e performance: Marina Guzzo
Performance sonora: Conrado Federici
Colaboração: Leticia Doretto, Camila Miranda, Landa Mendonça, Maira Pedroso, Isabel Lögren, Calixto Neto, João Simão, Dafne Michellepes, Marta Soares e Cau Fonseca, Fixxa, Marília Guarita, Kidauane Regina, Susana Barbosa, Mats Hjelm, Sheila Areas e Lia Damasceno.
Costureira: Maria Bezzerra
Máscara: Jamille Queiroz
Figurino: Marina Guzzo
Consultoria Figurino: Lia Damasceno
Fotografias: Gui Galebeck e Patricia Araujo
Produção: NID e Corpo Rastreado
Plataforma de pesquisa: Laboratório Corpo e Arte Unifesp
Residência: A Colaboradora 2018- Instituto Procomum e Cité des Arts- Paris- 2019.
Projeto de Extensão: UNIFESP- BS em parceria com Instituto Procomum
Apoio: Casa Liquida.
Agradecimentos: Raquel Guzzo, Camila Guzzo, Julia Feldens, Maira Pedroso, Ana Andrade, Instituto Procomum, Sesc SP e Kidauane Regina.

Voltar