28/07/2020 - Celly IDD, DG Fabulloso e Cesar Dias no Dança #EmCasaComSesc


Na terça-feira, dia 28, o público assiste a apresentação Passinho, Dança e Tela, que mostrará clássicos do passinho, com os dançarinos Celly IDD (primeira mulher campeã em uma batalha de passinho, em Nova York) e DG Fabulloso, que exploram a relação entre a dança carioca e o vídeo. Em sua performance, os dançarinos criam e repetem movimentos elaborados, incorporando elementos do break, frevo, capoeira e até mesmo do kuduro e do contorcionismo. A apresentação conta com direção de Rodrigo Vieira e direção de fotografia de Marcelo Hallit.

Na quinta-feira, dia 30, o espetáculo “Ser”, de Cesar Dias, traz uma dança pensada e criada a partir do cenário atual, de afastamento social, justificada em movimentos contidos e repetidos que exploram as possibilidades do espaço reduzido e condicionado do dia-a-dia. Ser é desenhado em três momentos distintos, que simbolizam as fases do afastamento social, gerando assim suas inquietações. Em uma forma de se expressar sem falar, a dança mostra um indivíduo que se movimenta, torcendo pelo dia em que o isolamento se desfizer e surgir a nova proposta de mundo, relações e entendimentos. Cesar Dias é bailarino há 20 anos e, desde 2015, começou a se expressar não só apenas como bailarino contemporâneo mas também como criador emergente. Trabalhou com Ivaldo Bertazzo e atualmente colabora com a companhia Cisne Negro, além de desenvolver projetos autorais.

Sempre às terças e quintas-feiras, às 21h30, acontece uma apresentação diferente no formato de solos, duplas ou com mais integrantes,  podendo ser coreografias inéditas, criadas para este espaço digital, trechos de obras ou adaptações de trabalhos existentes, de acordo com o espaço e proposta de cada obra. As apresentações têm duração de até 40 minutos.

Foto: Marcelo Hallit

Fonte: Rota Cult

Voltar