01/04/2021 - Espetáculo Vidas Secas


“Vidas Secas” é um espetáculo livremente inspirado na obra de Graciliano Ramos, com concepção artística de Igor Lopes , que  traz  à tona alguns temas que fazem parte não só da realidade nacional, como também universal: a opressão do homem pelo homem; o problema da seca e da água, oriundo de um desequilíbrio socioeconômico e ambiental; doze bailarinos corporificam imagens presentes, numa leitura que foge ao regionalismo, mas que busca refletir a “seca” de outra perspectiva.

‘Trata-se de uma homenagem ao povo brasileiro através do nordeste, onde trago símbolos da cultura popular, uma riqueza imensurável, além do retirante do sertão que considero patrimônio nacional de resistência e exemplo de coragem para todo brasileiro’ fala Igor Lopes.

Concepção artística

Ressignificar Vidas Secas em arte contemporânea (dança teatro) tem sido um desafio necessário na minha história. Como coreógrafo preto, morador de uma periferia do Rio, sei exatamente o que é viver em  uma realidade com  falta de recursos de subsistência. Vidas Secas é uma crítica social que se aplica a qualquer realidade e eu decidi contextualizar no urbano. Também busquei prestar uma homenagem ao povo brasileiro através do nordeste, onde trago símbolos da cultura popular, uma riqueza imensurável, além do retirante do sertão que considero patrimônio nacional de resistência e exemplo de coragem para todo brasileiro.

Amo fazer arte em suas diversas linguagens por isso sempre trago instalações ao palco em forma de cenário. Em parceria nas coreografias convidei Tiago Oliveira , coreógrafo potente e com uma corporeidade única. A direção geral divido com minha irmã Alinne Kelly Curvão.

Arrisco a tentativa de trazer um novo olhar na dança contemporânea carioca.

Igor Lopes

Foto: Divulgação/Nilson Bastian

SERVIÇO

Data: 6 de abril 
Horário: terça-feira – 20h
transmissão on-line gratuita – CANAL DO YOUTUBE:  CENARTE DIMENSÕES
transmissão on-line gratuita – https://youtube.com/channel/UCTKFtJp9EBZ5znQPjA4jmHg
Classificação: livre
Duração: 60 minutos

Ficha técnica:
Direção Geral : Igor Lopes e Alinne Kelly Curvão
Concepção Artística: Igor Lopes
Coreografia: Tiago Oliveira e Igor Lopes
Preparação Corporal: Cenarte Dimensões
Cenografia: Igor Lopes e Plástica: Joel D´Castro
Direção Musical: C-Afrobrasil e Luan
Figurinos: Gleydson Castro
Produção: T.Piquet Cultura E Arte

Projeto Gráfico: Alinne Kelly Curvão

Bailarinos: Ana Clara Cayres, Anderson Carvalho, Letícia do Carmo, Letícia Xavier, Lucas Santos, Marcelo Souza, Pamela Costa, Paulo Fernandes, Peter Gonçalves, Reinaldo Dutra, Silvia Carvalho e Wallace Guimarães

Filmagem e Edição: Verus Filmes
Assessoria De Imprensa: Claudia Bueno

Fonte: Sopa Cultural

Voltar