26/07/2018 - 3° BH ImContato Festival de CI de Belo Horizonte. BH que nos oferece o ambiente ideal para tecer as premissas desses diálogos que devem continuar para além dos 5 dias de muita inspiração na dança em contato com outras formas de arte.


É uma satisfação imensa poder receber os amigos do CI mais uma vez em nossa cidade, na ocasião deste 3º ImContato - Festival de Contato Improvisação de Belo Horizonte.

Esta é uma grande oportunidade que se abre para, durante 5 dias, experimentarmos juntos um retorno às bases do contato, além de processos de escuta e criação e os diálogos entre movimentos e polifonias. Seremos brindados com performances e, claro, muita dança e muitas jams!

Escolhemos o Odara Café e Ofícios para esta edição do festival, por seu traço cultural diversificado. O café é uma referência de pluralidade cultural e inovação no setor de práticas corporais e de entretenimento, em Belo Horizonte e nos oferece o ambiente ideal para tecer as premissas desses diálogos que devem continuar para além dos 5 dias de muita inspiração na dança em contato com outras formas de arte.

Professores:
• Camilo Vacalebre (BSB - Itália)
• Sofia Giliberti (RJ - Itália)
• Pânmela Ribeiro (BH)

Diálogos em Contato: Polifonias e Movimento
• Camilo Vacalebre | Técnica Alexander e Contato Improvisação
• Sofia Giliberti | Contato Improvisação
• Panmella Ribeiro | Yoga e Contato Improvisação 
• Alex Dias | Feldenkrais
• Luísa Bahia | Teatro e Canto

Espetáculos
• "Risco" - Coordenação Luísa Bahia
• "Instruções para Fruir o Tempo" - Labcriativo CI | Coordenação TaTo & UmaDança

SERVIÇO
Data:  15 a 19 agosto ‘18
Local: R. Arthur de Sá, 380 - União, Belo Horizonte
Informações:
(31) 99458-6492
(31) 98249-2112
Inscrições por e-mail (peça a ficha de inscrição):
coletivo1danca@gmail.com
Realização:
Coletivo UmaDança
Produção:
Vitória Regina (BH)
Messias Jr. (BH)
Apoio:
Odara Café e Ofícios
Tato Coletivo de CI

O bairro União, em que nos instalaremos durantes os dias do Festival, está bem servido com estabelecimentos cujos traços são típicos da cultura mineira. Bares, restaurantes, praças e pequenos parques ecológicos (Orlando Carvalho Silveira, Prof. Marcos Mazzoni, Da Matinha), um cenário bastante convidativo e inspirador. Além disso, o bairro oferece fácil acesso, tanto do aeroporto de Confins, como do terminal rodoviário de Belo Horizonte.

Como chegar ao Odara:

Para quem chega de avião:
Por CNF (Confins): voos diretos das principais capitais do país, bem como das principais cidades mineiras com aeroportos. Dentro de CNF, tome o ônibus "Conexão" (http://www.conexaoaeroporto.com.br/aeroporto-de-confins).

Tanto a linha executiva como a convencional oferecem desembarque em frente ao famoso hotel Ouro Minas Palace, que fica a 500m (7 min. a pé) do Odara. Basta ficar atento aos horários de acesso pela av. Cristiano Machado. Na tabela de horários disponível no site, são os horários que estão em vermelho.
Linhas e Horários:
- Ônibus Executivo Belo Horizonte - R$ 27,70
- Ônibus Convencional Belo Horizonte - R$12,70

Para quem chega de ônibus, do terminal rodoviário central, siga a pé até a:
Av. do Contorno, 340 - Santa Efigênia, Belo Horizonte - MG, 30110-017

A linha 3502/3503A é uma das muitas opções que saem do centro. Descer na:
Av. Cristiano Machado, 3030 e caminhar por 3min. até o Odara (R. Arthur de Sá, 380).

Outra sugestão são os táxis alternativos, que devem sair baratíssimos, visto que são menos de 6km de viagem.

Do Aeroporto da Pampulha, com voos diretos regionais de Uberlândia, Montes Claros, Ipatinga e Campinas, siga a pé até a:
Rua Noraldino Lima, 385

A linha 9503 Taquaril (Principal) é a opção mais fácil para quem preferir chegar de ônibus. Descer na:
Av. Cristiano Machado, 2939 e caminhar por 7min. até o Odara (R. Arthur de Sá, 380).

Para quem chega de carro, o ideal é usar o GPS com acesso pelo Anel Rodoviário, saídas pela Av. Cristiano Machado.

Clima: Em agosto, o clima em Belo Horizonte é seco e frio, com noites de frescas a frias.

Voltar