04/02/2019 - "O vazio é cheio de coisa" - Recife / PE


Um corpo humano e um bambu se bastam. Do encontro minimalista entre um bambu oco e um corpo recoberto de experiências da artista, uma profusão de imagens e significados invade o imaginário do público. Este espetáculo compõe a programação da XX edição do Festival do Teatro Brasileiro Cena Distrito Federal. 

 A companhia brasiliense, conhecida pela forte identidade, traz a dança acrobática em instrumentos de bambu. É o primeiro espetáculo solo de sua cofundadora Poema Mühlenberg.

O cenário da peça é composto apenas por uma vara de bambu aérea, que se transforma ao longo do show.

Ao longo de 15 anos de práticas, Poema aprendeu diferentes modos de se expressar artisticamente. Sua poética reúne estudos em acrobacia solo e aérea, dança contemporânea, comicidade física, capoeira, dança de salão, teatro do objeto, antropologia teatral e cultura do movimento. O diretor Edson Beserra propôs à artista o desafio de se soltar.

Foto: divulgação

SERVIÇO
Data:
7 a 8 de Fevereiro de 2019
Horário: 20h
Local: 
Teatro Luiz Mendonça
Av. Boa Viagem, S/N - Boa Viagem, Recife - PE, 51030-000
Telefone(81) 3355-9821
Ingresso: R$ 20
Duração: 50 min
Classificação: 14 anos

FICHA TÉCNICA

Concepção, intérprete/ criadora: Poema Mühlenberg.
Direção: Edson Beserra.
Coreografia: Edson Beserra e Poema Mühlenberg.
Cenografia e Bambuzeria: Poema Mühlenberg.
Confecção de corda artesanal/Rigging projeto e execução: Daniel Lacourt.
Colaboração em cenotecnia e rigging:Jackson Prado.
Direção musical: Samuel Mota. Gravado e masterizado em Zarabatana Records por Samuel Mota.
Vozes: Camila Becker.
Instrumentação: Samuel Mota.
Direção técnica e concepção de luz: Emmanuel Queiroz.
Trupe do Cerrado figurino: Poema Mühlenberg.
Costureira: Ester Ponte.
Audiovisual: Caetano Maia.
Fotografia: Diego Bresani.
Programação visual: Daniel Grilo.
Coordenação de comunicação: Anamaria Mühlenberg.
Preparação corporal: Pratique.
Movimento: Rodrigo Salulima, Fábio Henrique Mesquita e Vinícius Gesteira.
Elaboração de projeto: Liane Maria Mühlenberg e Giseli Tressi.
Produção de circulação: Giseli Tressi.
Produção executiva: Anamaria Mühlenberg.
Produção: Galpão Bambu.
Realização: Cia Nós No Bambu.

Voltar