11/04/2019 - Sexta e sábado ,dias 12 e 13 de abril, o 12º Visões Urbanas concentra apresentações em duas unidades do Sesc: Santo Amaro e Campo Limpo - SP


Sexta e sábado (dias 12 e 13/4), o 12º Visões Urbanas – festival internacional de dança em paisagens urbanas, em seu circuito "Visões Periféricas", que propõe estender as ações para espaços não centrais da cidade, concentra apresentações em duas unidades do Sesc: Santo Amaro e Campo Limpo.

Na tarde de sexta (16h30), o Santo Amaro acolhe "O Corpo no Desenho", trabalho de Lara Dau Vieira (São Paulo) dirigido ao público infanto-juvenil, que propões dançar e desenhar. A partir das 20h, Luis Arrieta dança Primeiro Umbral, Segundo Umbral e Terceiro Umbral, que conduzem a espaços adivinhados, intangíveis ou concretos, entremeando as apresentações de "Transformações | O Tempo do Corpo", de Dorothy Lenner, sobre a impermanência do tempo, do corpo, do espírito e da vida; e "Tabibito viajante", performance fugaku do Núcleo Fu Bu Myo In, de Toshi Tanaka.

Sábado, no Sesc Campo Limpo, o programa é vespertino, entre 14h e 16h, com "Oximoro II", de Cilô Lacava, que traz pensamentos e sentimentos de uma andarilha sobre a destruição do Planeta que nos abriga;  "Em Solilóquio", com Maria Mommensohn, que mostra os contornos do corpo na intimidade do pensar e do sentir; "Senhor Calvino", da Cia Artesãos do Corpo, inspirado no universo poético-urbano do escritor Ítalo Calvino, iluminando pequenos detalhes presentes no cotidiano das cidades, e "Travessia", com o grupo Caixa de Imagens, que traz a boneca Gilda, de aproximadamente 10 cm, com seu vestido-cenário, que ganha vida nas mãos do ator manipulador, do ator que toca a trilha e do espectador.

Em São Paulo, o 12º Visões Urbanas se encerra na sexta, dia 19, com o Urbaninhas, uma seleção de trabalhos mais direcionados ao público infantil, que acontece na Casa das Rosas ao ar livre. A partir das 11h, o Grupo Caixa de Imagens apresenta "Travessia", seguido de Lara Dau Vieira, com "O Corpo no Desenho" e "Sr. Calvino", da Cia Artesãos do Corpo.

A dança em paisagens urbanas

Concebido em 2006, pelos artistas Mirtes Calheiros e Ederson Lopes (Cia Artesãos do Corpo), o Visões Urbanas faz parte da rede internacional de festivais "CQD – cidades que dançam", conectando São Paulo com cidades da Europa e América Latina, para promover a circulação, a troca e o intercâmbio de artistas e trabalhos criados para espaços públicos.

Nesta edição, o festival repete a experiência de descentralização da produção cultural para outras cidades – já aconteceu em São Bernardo do Campo, Embu-Guaçu, Maceió (Al) e Campinas –, sendo acolhido pelo Instituto Histórico e Geográfico de São Vicente, cidade litorânea de São Paulo, em versão poket,  com a apresentação de "Tabibito Viajante", com o Núcleo Fu Bu Myo In, "Travessia", da Caixa de Imagens, e "Sr. Calvino", com a Cia Artesãos do Corpo, que encerra o Festival no dia 20.

XII Visões Urbanas / 2019 foi contemplado pelo Proac – Festivais de Artes II.

Foto: Divulgação | Cena de Em Solilóquio, de Maria Mommensohn

SERVIÇO

Data: 12 de abril
Horário: sexta, 16h30 e  a partir das 20h

16h30:

  • "O Corpo no Desenho" (Lara Dau Vieira - SP)  - 

A partir das 20h:

  • "Primeiro Umbral" (Luis Arrieta - SP);
  • "Transformações | O Tempo do Corpo" (Dorothy Lenner - MG);
  • "Segundo Umbral" (Luis Arrieta - SP);
  • "Tabibito Viajante" (Núcleo Fu Bu Myo In - SP);
  • "Terceiro Umbral" (Luis Arrieta - SP). 

Local: SESC Santo Amaro 
Rua Amador Bueno, 505 – Metrô Largo Treze

Data: 13 de abril
Horário: sábado, entre 14h e 16h
  • "Oximoro II" (Cilô Lacava - SP); 
  • "Em Solilóquio" (Maria Mommensohn - SP);
  • "Senhor Calvino" (Cia Artesãos do Corpo - SP); e
  • "Travessia" (Grupo Caixa de Imagens - SP).

Local: SESC Campo Limpo 
Rua Nossa Senhora do Bom Conselho, 120 - Metrô Campo Limpo

Data: 19 de abril
Horário: sexta, 11h
  •  "Travessia" (Grupo Caixa de Imagens - SP);
  • "O Corpo no Desenho" (Lara Dau Vieira - SP);
  • "Sr. Calvino" (Cia Artesãos do Corpo - SP).

Local: Casa das Rosas – Urbaninhas

PROGRAMAÇÃO COMPLETA

Voltar