17/09/2021 - 3 espetáculos para você curtir em setembro


1- GISELLE ATO II - SÃO PAULO COMPANHIA DE DANÇA

São Paulo Companhia de Dança retoma Temporada 2021 com estreia do clássico Giselle – Ato II no Teatro Sérgio Cardoso. Obra divide palco com a contemporânea Agora em espetáculos com exigência de comprovante de vacinação e transmissões virtuais.

Temporada 2021

Intitulada de Tempo da Travessia, a Temporada 2021 da SPCD reúne dessa vez, no palco do Teatro Sérgio Cardoso, dois nomes com trajetórias coreográficas intrinsecamente ligadas à SPCD: Lars Van Cauwenbergh e Cassi Abranches. Depois de assinar A Morte do Cisne, em 2019, para a São Paulo, Lars – que também é professor da Companhia – lança Giselle – Ato II, inspirada livremente no original de 1841 de Jules Perrot (1810-1892) e Jean Coralli (1779-1854). Apontada por estudiosos como o ápice do romantismo na dança clássica, Giselle vem recebendo inúmeras releituras ao longo dos séculos e agora chega ao repertório da São Paulo com cenário original de Vera Hamburger, que incorpora imagens de florestas brasileiras retratadas por Debret, De Clarac, Von Martius e Cássio Vasconcellos. A iluminação é assinada por Wagner Freire, enquanto os figurinos são de autoria de Marilda Fontes.

A temporada se encerra com a premiada Agora. Eleita como melhor coreografia de 2019 pelo júri do Prêmio APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte), a obra tem trilha original de Sebastian Piracés, iluminação de Gabriel Pederneiras e figurinos de Janaína Castro. Ela se soma a outras três criadas pela coreógrafa Cassi Abranches para o repertório da Companhia, que inclui ainda Gen (2014), o segundo ato de Schumann ou Os Amores do Poeta (2018) e Respiro (2020).

O público de casa também poderá conferir a temporada no ambiente virtual. Nos dias 2 e 3 de outubro, as apresentações serão transmitidas gratuitamente no canal da SPCD no YouTube e na plataforma Cultura em Casa com acessibilidade para pessoas com deficiência visual via opção de faixa com audiodescrição para Giselle – Ato II. As sessões acontecem às 20h (sábado) e 17h (domingo), com elencos distintos em cada dia, e não ficarão disponíveis posteriormente.

Aos que desejam mergulhar no universo dessas criações, haverá palestra virtuais de mediação sobre o programa. Conduzida por Inês Bogéa, ela reúne artistas envolvidos nas obras e acontece de forma virtual, no dia 16 de setembro, às 19h, no canal da SPCD no YouTube e na plataforma Cultura em Casa. A palestra terá reprise nas mesmas plataformas 1 hora antes dos espetáculos presenciais e das apresentações virtuais. No dia 29 de setembro haverá ainda duas exibições on-line gratuitas de Giselle – Ato II com mediação específica para estudantes e pessoas da terceira idade. As sessões acontecem às 10h e às 15h no canal da SPCD no YouTube e na plataforma Cultura em Casa.

As atividades da São Paulo Companhia de Dança em sua sede são certificadas pelo selo Safe Guard da empresa Bureau Veritas, que atesta o cuidado e adequação do espaço de trabalho ao enfrentamento da Covid-19. Já a atuação dos artistas da SPCD é equiparada ao de atletas de alto rendimento e, por recomendação da Organização Mundial de Saúde, eles se apresentam sem máscara. Esta medida está de acordo com os termos estabelecidos pela Portaria Nº 747 de 2020 da Prefeitura Municipal de São Paulo. Para a segurança de todos, as equipes presentes no Teatro Sérgio Cardoso, bem como os bailarinos e as bailarinas, são testadas diariamente para detecção do Covid-19 durante o período de apresentações.

“Nesta nova fase da Temporada 2021, continuamos a nos cuidar para levar a dança a todos os seus públicos. Este programa é um convite para cada um viajar pelas suas emoções, seja através da força do coletivo e da delicadeza presentes em Giselle – Ato II ou da pulsação e da energia marcantes de Agora. Seguimos ativos para, junto do público, celebrarmos a vida e a arte”, explica Inês Bogéa, diretora executiva e artística da São Paulo Companhia de Dança.

Os ingressos pra a Temporada da São Paulo Companhia de Dança já podem ser adquiridos pela plataforma sympla.com.br nos valores de R$ 70 (plateia/inteira), R$ 35 (plateia/meia), R$ 45 (balcão/inteira) e R$ 22,50 (balcão/meia).

Além da temporada presencial da SPCD no Teatro Sérgio Cardoso e das exibições gratuitas no canal da Companhia no YouTube (youtube.com/AudiovisualSPCD) e na plataforma Cultura em Casa (www.culturaemcasa.com.br), o público vai poder conferir bastidores e detalhes das apresentações nos perfis da São Paulo no Facebook (@spciadedanca), Instagram (@saopaulociadedanca) e Twitter (@spciadedanca).

A Temporada 2021 da São Paulo Companhia de Dança é viabilizada pela Lei de Incentivo à Cultura, com patrocínio de Itaú, apoio de CDF, parceria institucional com a Amigos da Arte, parceria com Giuliana Flores e realização da Associação Pró-Dança/São Paulo Companhia de Dança, Governo do Estado de São Paulo por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa e Secretaria Especial da Cultura (Ministério do Turismo, Governo Federal).

SERVIÇO

São Paulo Companhia de Dança | Temporada 2021 no Teatro Sérgio Cardoso

Programa presencial

Repertório: Estreia de Giselle – Ato II, remontagem de Lars Van Cauwenbergh | Agora, de Cassi Abranches

Datas: 24, 25 e 26 de setembro

Horários: sexta-feira, às 20h | sábado, às 16h e às 20h | domingo, às 17

Local: Teatro Sérgio Cardoso 

R. Rui Barbosa, 153 - Bela Vista, São Paulo/SP

Valor do ingresso: R$ 45 (balcão/inteira) e R$ 70 (plateia/inteira)

Site para compra: www.sympla.com.br

Capacidade do teatro: 540 lugares

Duração: 1h15 com pausa técnica

Programa on-line

Repertório: Estreia de Giselle – Ato II, remontagem de Lars Van Cauwenbergh, com opção em audiodescrição | Agora, de Cassi Abranches

Datas: 02 e 03 de setembro

Horários: sábado, às 20h | domingo, às 17h

Online: www.youtube.com/AudiovisualSPCD e www.culturaemcasa.com.br

2- BICHOS DANÇANTES - FOCUS CIA. DE DANÇA

  • A Focus Cia. de Dança esteiou seu primeiro espetáculo infantil, “Bichos Dançantes”, no dia 4 de setembro, no Teatro Prudential. Serão apenas oito apresentações, aos sábados e domingos, às 16h, até 26 de setembro. As apresentações acontecerão de forma presencial, respeitando todos os protocolos de segurança.

O espetáculo conta com a participação em off de grandes artistas como Lucinha Lins, Reinaldo Gianecchini, Mateus Solano, José Loreto, Bianca Byington, entre outros.

A criação de um espetáculo direcionado ao público infantil era desejo antigo de Alex Neoral, diretor artístico e coreógrafo da Focus Cia de Dança. E assim, através da Chamada Petrobras Cultural, como mais um desafio cumprido com excelência pela companhia, nasceu “Bichos Dançantes”, com o intuito de reforçar o comprometimento com a comunicação e um maior acesso de todos à arte.

O espetáculo é uma aventura onde oito bichos se deparam com um desejo em comum e recebem um desafio de Elisa, uma jabuti que completa 100 anos e quer fazer dessa data tão especial algo inusitado. A partir disso, os 14 personagens desenham uma jornada cheia de mensagens e pensamentos que serão absorvidas tanto por crianças quanto por adultos.

O texto é de autoria do próprio Neoral, que além de estrear um espetáculo infantil, também estreia como autor, já que irá lançar também o livro com a história e diálogos do espetáculo.

As músicas são compostas pela dupla TUIM, Felipe Habib e Paula Raia, com letras e arranjos todos originais, criados especialmente para o projeto. As canções e a trilha incidental complementam a narrativa, que mistura humor, alegria, questionamentos e muita diversão.

O espetáculo tem patrocínio da Petrobras, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

SERVIÇO

Espetáculo Bichos Dançantes | Focus Cia de Dança

Datas: até 26 de setembro. Sábados e domingos

Horário: 16h

Local: Teatro Prudential 

Rua do Russel, 804 – Glória – Rio de Janeiro.

Ingressos: R$40,00 (inteira) e R$20,00 (meia-entrada).

Classificação: Livre.

Link para ingressos: https://www.sympla.com.br.

3-  DISSOLUÇÃO FESTIVA: GERAÇÃO Z - TEATRO DA MATILHA 

“Dissolução festiva: geração z”, performance do Teatro da Matilha, que faz uso das linguagens da dança, da música e do teatro para expressar essencialmente o comportamento da geração que cresceu no mundo digital, tem apresentações presenciais, de 17 a 19 de setembro, no Kasulo Espaço de Arte. A mini temporada faz parte do projeto Kasulo em Diálogo, que oferece cessão de espaço a artistas e grupos independentes interessados em levar seus espetáculos.

Com influência da cultura shitposting - em livre tradução “postagem de merda”, que se refere às postagens de baixa qualidade nas redes sociais, agressivas ou irônicas – e do pensamento insurgente, o trabalho traz o universo  da chamada ‘geração z,’ procurando expressar a multiplicidade caótica e deslocada inerente à vida dos jovens metropolitanos nascidos a partir de 1995.

O espetáculo tem direção de Tadzio Veiga, direção musical de Vinícius Andrade e luz de Giorgia Tolaini, que também integram o elenco ao lado de outros três jovens artistas – Carolina Gasquez, Gabriela Vinci e Pedro Athié.

O Teatro da Matilha surgiu em 2018, no Instituto de Artes da Unesp, com a proposta de praticar os limites do teatro e sua intersecção com outras linguagens artísticas e, forçosamente, aglutinar incompatibilidades, sejam elas dos corpos vivos, dos objetos inanimados e das relações. Resultantes deste amontoado são os experimentos-espetáculos “Alter-ego da violência” (2018) e “Dissolução festiva: geração z” (estreia em 2019).

O “Projeto Kasulo em Diálogo” foi contemplado com o edital do Proac – Programa de Ação Cultural para manutenção e modernização de espaços culturais, da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo.

Foto: Divulgação

SERVIÇO

“Dissolução festiva: geração z” – Teatro da Matilha

Data: 17, 18 e 19/09 

Horário: sexta e sábado, às 20h; domingo, às 19h

Local: Kasulo Espaço de Arte

Rua Souza Lima, 300 - Barra Funda, São Paulo - SP, 01153-020

Tel: 11 3666-7238

Formato: presencial - com limitação do número de público conforme protocolo vigente

Ingressos: livre oferta de R$10,00 a R$20,00

Classificação Indicativa: 18 anos

Duração: 50 minutos

Voltar